Aquisições da Biblioteca

Confira abaixo as aquisições da biblioteca em ordem cronológica.

Quinquilharias Nakano

Hiromi Kawakami, São Paulo, Estação Liberdade, 2010. 283 p.

Em português
ver resenha

A ocidentalização da cultura japonesa, a rivalidade com a China e outras questões na ordem do dia compõem a narrativa deste livro, que apresenta o senhor Nakano, o proprietário da loja Quinquilharias Nakano – um tanto filósofo e cheio de artimanhas, que está em constante busca de aventuras amorosas; sua irmã Masayo, uma bem-humorada artista de pouca expressão; Hitome, a narradora que tudo observa com seu olhar cool; e Takeo, o faz-tudo taciturno e enigmático.

The Ninja: ancient shadow warriors of Japan

Dr. Kacem Zoughari, Rutland (Vermont, EUA), Tuttle Publishing, 2010. p. 191. Ilustrado.

Em inglês
ver resenha

O ninjutsu possui uma longa história e é provavelmente uma das mais famosas e ao mesmo tempo incompreendidas das artes marciais. Uma escola ainda em atividade, o ninjutsu continua a prosperar, e a ideia do ninja como um super espião, vestido de preto, mestre de combate e agente secreto continua a manter o poder sobre nossa imaginação. Porém, sua história continua sendo muito pouco conhecida, sua origem é cercada de mistérios e lendas. O livro tenta fornecer um olhar aprofundado e factual sobre a arte do ninjutsu, incluindo o surgimento dos guerreiros ninjas, sua filosofia no Japão feudal; detalha eventos históricos, bem como os contextos do desenvolvimento de outras escolas de artes marciais, entre outros.

The Ninja: ancient shadow warriors of Japan (em inglês)

Dr. Kacem Zoughari

Rutland (Vermont, EUA), Tuttle Publishing, 2010. p. 191. Ilustrado.

O ninjutsu possui uma longa história e é provavelmente uma das mais famosas e ao mesmo tempo incompreendidas das artes marciais. Uma escola ainda em atividade, o ninjutsu continua a prosperar, e a ideia do ninja como um super espião, vestido de preto, mestre de combate e agente secreto continua a manter o poder sobre nossa imaginação. Porém, sua história continua sendo muito pouco conhecida, sua origem é cercada de mistérios e lendas. O livro tenta fornecer um olhar aprofundado e factual sobre a arte do ninjutsu, incluindo o surgimento dos guerreiros ninjas, sua filosofia no Japão feudal; detalha eventos históricos, bem como os contextos do desenvolvimento de outras escolas de artes marciais, entre outros.

The secrets of noh masks

Michishige Udaka, fotografias de Shuichi Yamagata, Tokyo, Kodansha International, 2010. 159 p. Ilustrado

Em inglês
ver resenha

Michishige Udaka, nascido em 1947 em Kyoto, é ator de noh, membro da Kongo School. É o único fabricante de mascáras de noh que também atua nos palcos. O livro apresenta 32 de suas máscaras, uma representativa amostra das mais de 200 já produzidas por Udaka até hoje. As impressionantes fotos são acompanhadas de legendas e breves ensaios sobre a história do noh, os estilos performáticos, a filosofia e as técnicas de manufatura das máscaras.

21st century Tokyo: a guide to contemporary architecture

Julian Worrall e Erez Golani Solomon; Fotografias de Joshua Lieberman, Tokyo, Kodansha International, 2010. 240 p.

Em inglês
ver resenha

Os autores e arquitetos, Julian Worrall e Erez Golani Solomon, que residiram por um longo tempo em Tokyo, selecionaram 83 marcantes exemplos da arquitetura contemporânea da cidade, introduzindo-os não apenas numa perspectiva arquitetônica, mas também como parte da malha social, cultural e política da cidade. Além de obras monumentais de arquitetos famosos, são retratados edifícios em geral – de conjuntos de escritórios e lojas de conveniência à altas torres residenciais – criando um completo e fascinante panorama da paisagem arquitetônica de Tokyo.

DVD Hikaru no Go

Hikaru no Go

27 vols. Avex Inc. Tokyo Japan 2002-2004

Em japonês
内容紹介

Hikaru, um estudante do curso primário, descobre no sótão da casa de seu avô, um antigo tabuleiro de Go. Nele estava adormecido o espírito de um genial jogador da era Heian, Sai Fujiwara. Este incorpora-se à consciência de Hikaru, sem subjugá-lo. Após o encontro do amante do Go, Sai, com um jovem prodígio, Akira Toya, o interesse de Hikaru pelo jogo vai crescendo gradativamente.
(Os DVDs estão disponíveis para consulta no local, não sendo possível seu empréstimo).

DVD Duplo Suicídio em Amijima (Shinshinjuten no Amijima)

Duplo Suicídio em Amijima (Shinshinjuten no Amijima)

Direção de Masahiro Shinoda. magnus Opus, 2004 preto e branco. 104 min

Em japonês
ver resenha

Baseado num conto de Chikamatsu Monzaemon, adaptado numa peça popular do teatro de bonecos “bunraku” do século XVIII chamada “Shinju Ten no Amijima” onde um comerciante de papel sacrificou a família, o destino, e principalmente sua vida por uma obsessão erótica
com uma prostituta. O cineasta Masahiro Shinoda foi um expoente da nouvelle vague nipônica dos anos 60 ao lado de Nagisa Oshima. Explorou as tendências masoquistas e suicidas do japonês, particularmente no contexto do amor erótico.

O anticinema de Yasujiro Ozu

Kiju Yoshida.

Tradução do Centro de Estudos Japoneses da Universidade de São Paulo: Cosac & Naify, 2003

Em português
ver resenha

Ozu foi o diretor que mais se aproximou da essência do cinema, ao admitir que as imagens que ele tanto amava eram puro engodo. Ironizando a lógica inerente às imagens e desmistificando as técnicas cinematográficas, construiu uma legenda mundialmente reconhecida como questionador da natureza humana e das ideologias. Este livro é uma homenagem ao cineasta de “Bom Dia” (1959), “A rotina tem seu encanto” (1962) e 51 outros filmes. Pela primeira vez, temos a visão de um profissional que também trabalha atrás do megafone de diretor. É, ainda, uma desconstrução do cinema, reveladora dos extremos que coexistem em sua imagem. (da contra-capa)

A Saga Otori – 3 vols.

Lian Hearn, Tradução de Waldéia Barcellos (v.1), Monica Stahel (v.2 e 3), São Paulo: Martins Fontes, 2002 – 2004

Em português
ver resenha

“O enredo dos livros (…) transcorre num país imaginário, num período feudal. Não se pretendeu que a ambientação ou a época correspondesse a uma era histórica verídica, embora se encontrem traços de muitos costumes e tradições japonesas, e a paisagem bem como as estações sejam as do Japão” (do autor). “Criado entre os Ocultos, povo isolado e voltado para o desenvolvimento da mente, Takeo conhece apenas os caminhos da paz(…) Quando sua vida é salva pelo misterioso Senhor Otori Shigeru, Takeo inicia a jornada que o levará ao encontro de seu destino, no interior das muralhas de INUYAMA. Em seu trajeto ele irá conhecer vingança e traição, honra e lealdade, beleza e magia, além da avassaladora paixão amorosa.” (da contracapa).

Memórias de uma Gueixa 3ed.

Arthur Golden, tradução de Lya Luft. Rio de Janeiro: Imago, 2006

Em português
ver resenha

Romance de estréia de Arthur Golden em sua terceira edição, seguindo o lançamento do filme baseado neste, traz as confissões e as histórias de vida de uma das gueixas mais renomadas do Japão, Nitta Sayuri. Conduzido pela personagem, o leitor entra num mundo onde oque mais conta são as aparências, onde pode-se leiloar a virgindade de uma criança, onde mulheres são treinadas para enfeitiçar os homens mais poderosos, e onde o amor é desprezado como uma ilusão. A biblioteca possui a versão original em inglês e a versão em japonês.

O Dedo do Imperador e Outros Contos Japoneses

Tradução de Cecília Casas e prefácio por Rodrigo Manzano. São Paulo: Landy Editora, 2005

Em português
ver resenha

É uma série de contos populares japoneses colhidos da tradição oral representando uma parte
do repertório transmitido durante séculos de geração a geração. Refletem tanto recomendações de caráter moral, como também a cristalização daquilo que compõe as relações entre homem e a natureza, o homem e sua religiosidade, o homem e seus pares.