Vamos de Kamishibai! – Ogros bolinha comilões

Vamos de Kamishibai! > Ogros bolinha comilões

 

 

Vamos nos divertir com o kamishibai repleto de encantos

 

 

Crianças e adultos passam a adorar kamishibai ao assistir uma apresentação. 

Vamos nos divertir com as obras dos escritores de kamishibaique transmitem o seu conteúdo com desenhos elaborados e utilizando o belo idioma japonês. Vamos experimentar encená-las também! 

sua beleza está na alegria do narrador e do espectador de “compartilhar sentimentos”kyokan, com o universo contido na obra. Nesse momento, nasce uma troca de sentimentos típica do ser humano. 

Para aqueles que desejam aprender a língua japonesa, assim como para os educadores,  

kamishibai se torna um alicerce para a construção de relações de confiança, por conta do “compartilhamento de sentimentos” criado na história e pela alegria de estarem conectados. 

Ao nos colocarmos no lugar do personagem principal retratado nos desenhos e expandirmos a imaginaçãosomos dominados pela vontade de conversar em japonês. roteiro de kamishibai é escrito centrado nas “falas”. 

As palavras produzem uma atmosfera real de comunicação, como se a história estivesse acontecendo diante de nós. O encontro com essas palavras nos faz sentir o idioma japonês, que se comunica com os nossos corações. 

Além disso, podemos apreciar o uso de muitas onomatopeias” e “mimeses” (imitações) — elementos bem característicos da língua japonesa. 

KAMISHIBAI está começando a se expandir pelo mundo como um elemento da cultura infantil do Japão. 

Desejo que possam aprofundar ainda mais o ensino do idioma japonês, desfrutando desse elemento da cultura japonesa, que é um kamishibai cheio de encantos. 

 

 

Eiko Matsui (Pintora de murais e autora de kamishibai

Nascida em Tóquio. Após graduar-se no Curso de Pintura a Óleo da Musashino Art University, atuou como uma das mais destacadas pintoras de murais do Japão. Produziu mais de 150 obras em diversas regiões do país, tais como murais, monumentos e vitrais, entre outras, tendo como tema “O Ser Humano”.  Realizou exposições de murais em 26 locais do Japão. 

Em 1989, realizou uma exposição individual em Pequim patrocinada pela China. 

Em 1994, exibiu trabalhos em uma exposição internacional de mosaicos. 

Em 1997, uma exibição e um fórum sobre os trabalhos de Eiko Matsui foram realizados por um clube de arquitetos. 

Em 2001, a artista participou da fundação da “International Kamishibai Association of Japan (IKAJA)” e passou a se dedicar também à produção e difusão do kamishibai

Entre suas obras, destacam-se “Kazu to Katachi no Fantasy Zen 5 kan” (“Fantasia de Números e Formas em 5 volumes”) e “Nidoto” (“Nunca mais”) (Doshinsha Publishing Co.).

Em 2006, a obra “Nidoto” foi escolhida para uma feira internacional de livros sobre a paz — um projeto da Biblioteca Internacional de Jovens de Munique, Alemanha — e circulou pelo mundo. Foram realizadas palestras na França, Vietnam, Alemanha, China, México, Peru e em diversos locais dentro do Japão. 

Atualmente, a artista se empenha em um projeto de murais de hospitais nos EUA e na produção de murais em diversas cidades do Japão. É membro da Japan Association of Artists Craftsmen and Architects (AACA) e membro do comitê geral da “International Kamishibai Association of Japan “.         

 



Vamos ver mais histórias ?

     

 

Se inscreva também no webinário que acontecerá no dia 14/3 (dom)

 



Página inicial